Bens imóveis classificados

    ST002 Antigo Mercado Municipal da Taipa (Feira do Carmo)


    Localização: TAIPA

    Categoria: Sítio

    O Antigo Mercado Municipal da Taipa, também conhecido como a "Feira do Carmo", situava-se no cruzamento entre a Rua Direita Carlos Eugénio e a Rua do Cunha. Concluído por volta do ano de 1879[1], a sua aparência actual data da reconstrução de que foi alvo no ano de 1886[2]. Na década de 70 do século XX, o Mercado Municipal da Taipa começou a entrar em decadência. Com o desenvolvimento da cidade e a conclusão do novo mercado situado no cruzamento entre a Rua do Cunha e a Rua do Regedor, em 1983, o antigo local do mercado começou a ser utilizado como um armazém de materiais. Em 2003, o IACM deu início a um projecto de renovação do Antigo Mercado Municipal da Taipa para construir um espaço público de lazer sobre as fundações da estrutura principal. Ao mesmo tempo, os dois muros restantes foram demolidos e o local foi rebaptizado com o carácter cantonense “Xu” que significa mercado. Esta designação espelha a forma como o local era vulgarmente referido pelos habitantes da Taipa no passado, além de reflectir a combinação dos conceitos de mercado e praça[3].

    O Antigo Mercado Municipal da Taipa conta actualmente com uma estrutura de telhado com quatro águas, e edifícios em estilo de arcada aberta com telhado de uma água nos quadrantes leste e oeste, muros baixos no perímetro e a entrada nos quadrantes sul e norte. Apesar do mercado ter sido construído em estilo ocidental, o telhado foi recoberto com telhas de estilo tipicamente chinês de Guangdong. As colunas apresentam uma influência neoclássica, nomeadamente da ordem dórica, apesar das suas proporções e estrutura não serem usuais. No telhado foi utilizada uma estrutura tradicional típica da arquitectura ocidental, nomeadamente uma estrutura de tesoura simples com asnas em madeira, enquanto no beiral foi utilizado um sistema de terças duplas, o que é raro em Macau. Além disso, a aresta de corte em forma de pétala da terça interior sugere influências do sudeste e sul da Ásia. Esta construção tem um estilo arquitectónico único que a torna num verdadeiro ponto de referência da antiga Vila da Taipa.

    Antes da popularização do novo modelo de mercado encerrado em edifícios de grande dimensão, os mercados públicos de Macau apresentavam uma tipologia de espaço público aberto, coberto por pavilhões. O Antigo Mercado Municipal da Taipa (Feira do Carmo) é um legado material referente a esta antiga tipologia sendo um importante testemunho histórico da evolução dos mercados públicos de Macau.

     


    [1] Arquivo Histórico, Arquivo de Macau, ref. n.º MO/AH/AC/SA/01/00502.

    [2] Boletim da Província (B.O), 1886, 14 de Setembro, p.355.

    [3] Material de referência do IACM.


    Política de Privacidade    |    Feedback

    Copyright © Instituto Cultural, Reservados todos os direitos.
    Praça do Tap Seac, Edif. do Instituto Cultural, Macau
    Tel:(853) 2836 6866 Fax:(853) 2836 6899 Email:webmaster@icm.gov.mo

    Este site foi optimizado para visualização a 1024 x 768, nas versões Internet Explorer 10, Adobe Acrobat Reader 9 ou superior.