Elementos do Património Cultural Intangível

    Confecção de Biscoitos de Amêndoa





    Apresentação:

    O biscoito de amêndoa é um dos produtos da pastelaria tradicional Chinesa mais populares em Macau. A sua origem está associada ao biscoito de feijão verde moído com recheio de carne, uma iguaria oriunda da região de Xiangshan, Guangdong, que, aquando da sua chegada a Macau no princípio do século XX, passou a ser denominado de biscoito de amêndoa, devido à sua forma e ao seu aroma, que se assemelham à amêndoa. Actualmente, os biscoitos de amêndoa de Macau têm uma forma redonda, e o seu método de confecção manteve-se idêntico entre as pastelarias mais antigas da região, fazendo uso de amêndoa, feijão verde moído e carne suína marinada em açúcar como ingredientes principais para os recheio, usando-se um molde de madeira para fazer a forma da massa e adicionando-se posteriormente os recheios, previamente preparados, contando com a sua cozedura através de fornos de lenha. O processo de confecção é complexo e tem como objectivo garantir que os biscoitos obtenham um sabor apurado e que a sua massa fique suave e macia. Com a difusão e popularização destes biscoitos em Macau, comecáram a aparecer várias tipologias inovadoras baseadas neste biscoito, sendo, neste momento, considerado como um dos produtos mais populares de Macau, inclusive para oferecer como lembrança.

     

    Estado de Preservação:

    Apesar de ser um dos produtos mais representativos da gastronomia local, hoje em dia, e devido à grande quantidade de pastelarias produtoras e à enorme variedade de biscoitos de amêndoa, numa expansão que foi motivada pela necessidade crescente do mercado, a maioria das pastelarias tradicionais optou por adoptar um processo de confecção e gestão mais automatizada e industrial, sendo poucas as que, na produção dos seus biscoitos de amêndoa, mantêm a arte da confecção artesanal tradicional, cuja preservação e continuidade enfrentam assim riscos iminentes.

     

    Valor Patrimonial:

    Sendo um dos produtos mais representativos da pastelaria tradicional Chinesa, o biscoito de amêndoa é elemento bem representativo da capacidade de transmissão hereditária da cultura gastronómica Chinesa na região, notando-se que a arte da sua confecção tem já características locais, enquanto que o seu percurso de evolução revela um valor fundamental para o estudo da cultura gastronómica de Macau, com a sua própria imagem a constituir um dos símbolos dessa mesma cultura.


    Política de Privacidade    |    Feedback

    Copyright © Instituto Cultural, Reservados todos os direitos.
    Praça do Tap Seac, Edif. do Instituto Cultural, Macau
    Tel:(853) 2836 6866 Fax:(853) 2836 6899 Email:webmaster@icm.gov.mo

    Este site foi optimizado para visualização a 1024 x 768, nas versões Internet Explorer 10, Adobe Acrobat Reader 9 ou superior.