Elementos do Património Cultural Intangível

    Dança do Leão






    Apresentação:

    O leão é um símbolo importante na cultura tradicional chinesa. A dança do leão é uma actividade tradicional chinesa passada de geração em geração, habitualmente realizada durante celebrações de templos, cerimónias de casamento e festivais populares, tendo como intuito afastar espíritos malignos e criar um ambiente de alegria e festividade, estando por vezes até presente durante funerais. A tradição da dança do leão de Macau tem a sua origem na cultura de Lingnan, onde o Dragão do Sul predomina. Trata-se de uma arte performativa que integra artes marciais, dança e música. Numa dança do leão, o leão é composto por uma cabeça e um corpo peludo e é manuseado por dois dançarinos ao ritmo de gongos e tambores para se mover e assumir uma variedade de posições.  Os movimentos da dança do leão apresentam poses de cavalo, incluindo o “abrir dos olhos”, “limpar as barbas”, “lamber o corpo” e “agitar o pelo”. Os truques incluindos na dança do leão contemplam o “Choy Cheng” (apanhar uma couve ou outro vegetal com a boca), “beber água de uma plataforma elevada”, o momento em que “o leão cospe uma bola” e o “caminhar em Meihuazhuang (pilhas de flores de ameixa)”, entre os quais o “Choy Cheng” é a representação mais significativa  das danças do leão e envolve movimentos mais complexos, tais como abrir a boca, rodar em torno de um objecto, mudar de posição, e concluir com poses dramáticas acompanhadas de descrições narrativas.

     

    Estado de preservação:

    A tradição da dança do leão de Macau tem sido desenvolvida por associações desportivas civis locais. Originalmente, as danças do leão eram realizadas em várias ocasiões de celebração e eram uma das principais fontes de rendimento para as associações desportivas. No final do século passado, a dança do leão evoluiu, de forma gradual, para se transformar numa modalidade de competição desportiva e a delegação da RAEM conquistou, em várias ocasiões, resultados notáveis em concursos internacionais neste âmbito. Actualmente, esta actividade já se tornou num dos eventos desportivos mais característicos de Macau.

     

    Valor patrimonial:

    A dança do leão tem permanecido como uma das actividades favoritas e mais vistas nos festivais e nas celebrações populares locais. É geralmente realizada para pedir protecção e segurança, bem como para motivar um ambiente de bom augúrio, integrando  conceitos e ideias de grande significado histórico e de profundo valor cultural. Como um símbolo importante da riqueza da cultura tradicional chinesa de Macau, esta manifestação tem também um significado de grande valor para a investigação da cultura popular. Dado que está em constante evolução na sua forma de transmissão e no desenvolvimento que tem nas comunidades locais, esta tradição tem também um papel importante a desempenhar na divulgação da cultura tradicional chinesa, bem como, no âmbito de actividades desportivas internacionais e na promoção do intercâmbio e do diálogo cultural, sendo um evento desportivo de relevo em Macau. A dança do leão é um dos elementos mais típicos da cultura Chinesa de Macau.


    Política de Privacidade    |    Feedback

    Copyright © Instituto Cultural, Reservados todos os direitos.
    Praça do Tap Seac, Edif. do Instituto Cultural, Macau
    Tel:(853) 2836 6866 Fax:(853) 2836 6899 Email:webmaster@icm.gov.mo

    Este site foi optimizado para visualização a 1024 x 768, nas versões Internet Explorer 10, Adobe Acrobat Reader 9 ou superior.