Elementos do Património Cultural Intangível

    Montagem de Andaimes de Bambu






    A montagem de andaimes de bambú pertence a uma das três indústrias de construção tradicional "sam hong" (rebocos, carpintaria, montagem de andaimes). Os andaimes são usados frequentemente como uma plataforma para construção e reparação de edifícios, fazendo parte indispensável das obras na construção tradicional de Macau.

    Os materiais utilizados na montagem de andaimes incluem canas de bambu, madeira de abeto chinês, atilhos de fibras de bambu, tiras de folha de palma, esteira de bambu áspero (actualmente, as três últimas são substituídas por nylon, lona e malha de nylon). As grades de bambu em xadrez são a forma básica dos andaimes; o termo técnico em cantonense para designar os postes verticais da grade é pronunciado como "zam" (agulha), tendo a barra horizontal por nome “hin” e a barra de sustentação diagonal a designação de “cheong”. Os mestres de andaimes não necessitam de projecto de construção, baseando-se na experiência e adaptando-se às condições do local. Devido à sua flexibilidade, existem em Macau diferentes tipos de andaimes de bambu, desde andaimes com dezenas de andares de altura para serem usados como plataforma de trabalho, até a estruturas de pequena escala que servem como painéis de flores ou arcos comemorativos, e ainda bancadas, teatros temporários, entre outros, simbolizando a notável sabedoria construtiva e criatividade do povo chinês.


    Política de Privacidade    |    Feedback

    Copyright © Instituto Cultural, Reservados todos os direitos.
    Praça do Tap Seac, Edif. do Instituto Cultural, Macau
    Tel:(853) 2836 6866 Fax:(853) 2836 6899 Email:webmaster@icm.gov.mo

    Este site foi optimizado para visualização a 1024 x 768, nas versões Internet Explorer 10, Adobe Acrobat Reader 9 ou superior.