Notícias Recentes

    Exposição “Pelo Povo – Sun Yat Sen e Macau” no Museu de Macau

    A Exposição “Pelo Povo – Sun Yat Sen e Macau” foi inaugurada ontem (dia 23 de Setembro) à tarde, no Museu de Macau, organismo dependente do Instituto Cultural. A cerimónia de inauguração foi presidida pelo Secretário para os Assuntos Sociais e Cultura do Governo da R.A.E.M., Dr. Cheong U, pelo Vice-comissário do Ministério dos Negócios Estrangeiros na R.A.E.M., Sr. Mao Siwei, pelo Director do Departamento para a Cultura e Educação do Gabinete de Ligação do Governo Popular Central na RAEM, Liu Weining, pelo Presidente do Instituto Cultural, Dr. Ung Vai Meng, pela neta do Dr. Sun Yat Sen, Drª. Lily Sun, pelo Vogal do Conselho Consultivo de Cultura, Sr. Lei Pang Chu, pelo Presidente da União Geral das Associações de Moradores de Macau, Sr. Leung Heng Teng e pelo Presidente da Associação de Educação de Macau, Sr. Lei Pui Lam.

    A Exposição “Pelo Povo – Sun Yat Sen e Macau” conta com quase 235 relíquias culturais originais relacionadas com o Dr. Sun Yat Sen. Os objectos expostos são principalmente propriedade de instituições culturais e de coleccionadores privados de Macau, Hong Kong e de diversas cidades do Interior da China. Alguns destes objectos estão patentes ao público pela primeira vez e mostram a forte ligação do Dr. Sun Yat Sen com Macau, pelo que são extremamente raros.

    A Exposição “Pelo Povo – Sun Yat Sen e Macau” tem como pano de fundo a história da Revolução de 1911 e subordina-se aos temas “Macau, um porto de partida para uma grande vida”, “Macau, um berço da revolução”, “Macau, porto seguro para a família” e “Macau, uma pequena cidade ligada ao pioneiro”. Macau teve uma relação especial com o Dr. Sun Yat Sen e, devido à sua situação política única, serviu de amparo aos revolucionários, contribuindo, desta forma, para o sucesso da Revolução. O Museu de Macau pretende, através da exposição de objectos, fotografias e vídeos apresentar, de forma ilustrada, o papel de Macau na Revolução de 1911, com vista a aprofundar o conhecimento público sobre o significado histórico desta Revolução e o contributo de Macau para a mesma. A apresentação da forte ligação do Dr. Sun Yat Sen e seus descendentes a Macau é também uma forma de mostrar a recordação eterna da população de Macau para com este grande homem.

    A fim de comemorar o centenário da Revolução de 1911, o Instituto Cultural organizou uma série de actividades académicas, todas a terem lugar no Auditório do Museu de Macau, nomeadamente “Aliança entre Revolucionários: Seminário Comemorativo do Centenário da Revolução de 1911”, a palestra “A Comunidade Macaense e a Revolução de 1911” a proferir pelo Doutor Li Changsen  e a palestra “Os Jornais em Macau e a Revolução de 1911” a proferir pela Doutora Lam Iok Fong, que terão lugar hoje (dia 24 de Setembro) e nos dias 29 de Outubro e 12 de Novembro, respectivamente.

    A exposição estará patente ao público no Museu de Macau até ao próximo dia 11 de Dezembro, diariamente (de terça-feira a domingo, incluindo feriados) das 10:00 às 18:00 horas (última venda de bilhetes até às 17:30 horas). Para mais informações sobre a exposição, é favor ligar para o telefone n.º (853) 2835 7911 ou visitar a página electrónica do Museu de Macau (www.macaumuseum.gov.mo). Para mais informações sobre as actividades comemorativas do 100.º Aniversário da Revolução de 1911, é favor visitar a página electrónica do Instituto Cultural (www.icm.gov.mo).

     


    Política de Privacidade    |    Feedback

    Copyright © Instituto Cultural, Reservados todos os direitos.
    Praça do Tap Seac, Edif. do Instituto Cultural, Macau
    Tel:(853) 2836 6866 Fax:(853) 2836 6899 Email:webmaster@icm.gov.mo

    Este site foi optimizado para visualização a 1024 x 768, nas versões Internet Explorer 10, Adobe Acrobat Reader 9 ou superior.